Tem vontade de trabalhar com animais? Conheça 5 possibilidades!

6 minutos para ler

Trabalhar com animais é o sonho de muita gente! Afinal, além de ser uma causa nobre, nos aproxima da natureza e pode funcionar como uma verdadeira terapia. Mas não basta ser apaixonado pelos bichinhos, é preciso muita disposição e disciplina para se profissionalizar na área escolhida e tornar-se referência no assunto.

Há uma série de cursos que têm tudo a ver com quem ama esse segmento, preparando os profissionais para a pesquisa, o cuidado e o trato de diferentes espécies.

Se você ainda não sabe qual faculdade fazer, não deixe de ler este post. Nele, vamos detalhar 5 cursos recomendados para quem tem vontade de trabalhar com animais. Acompanhe!

Como trabalhar com animais?

A primeira coisa que o profissional precisa saber é que esse campo é bastante amplo, incluindo inúmeras espécies de diversos ambientes. As opções de curso vão desde as áreas mais abrangentes, como Ciências Biológicas a segmentos mais específicos, como Engenharia de Pesca e Oceanografia.

Qualquer que seja sua opção, fazer uma faculdade é fundamental para ter credibilidade na área. Portanto, o ideal é buscar o máximo de informações possível sobre o curso pretendido, analisando a grade curricular e conhecendo o dia a dia da profissão para saber se é realmente aquilo que você deseja fazer durante o resto da sua vida.

Para facilitar um pouco a sua decisão, vamos detalhar 5 opções de cursos bastante procurados no setor. Confira as principais características e veja qual deles melhor se encaixa no seu perfil!

5 opções de graduação para quem quer trabalhar com animais

1. Ciências Biológicas

O curso de bacharelado em Ciências Biológicas (tanto o bacharelado quanto a licenciatura) fornece ao estudante conhecimentos relacionados à origem, evolução, estrutura e funcionamento das espécies. Para tanto, o curso disponibiliza laboratórios de Anatomia e de Química.

O profissional da área é responsável por analisar as relações entre os seres vivos e os ambientes, envolvendo questões de preservação, saneamento e manejo da biodiversidade dos ecossistemas.

As principais áreas de atuação do bacharel estão na produção de medicamentos, setores de preservação de espécies animais e vegetais, instituições de ensino e consultorias ambientais. Se a sua opção for pela licenciatura em Ciências Biológicas, o foco do curso será o desenvolvimento de pesquisas sobre o funcionamento dos seres vivos.

Nesse caso, a principal atribuição do profissional será a docência na educação básica, ministrando aulas e desenvolvendo materiais relativos ao ensino de Biologia. Além disso, quem é licenciado na área também pode trabalhar na indústria de medicamentos, alimentícia, de fabricação de bebidas e com consultoria ambiental.

2. Gestão Ambiental

Na graduação em Gestão Ambiental, o estudante acumulará conhecimento sobre natureza, recursos naturais e os problemas que afetam a biodiversidade e os ecossistemas do meio ambiente. O aprendizado no curso capacita o aluno a gerenciar projetos tanto em áreas urbanas quanto rurais, além de permitir a atuação no setor industrial.

As principais atividades têm foco no diagnóstico, fiscalização, avaliação e tratamento de impactos ambientais. Esses profissionais geralmente são contratados por empresas públicas e privadas para elaborar projetos de gestão, preservação e cuidado ambiental. Também é grande a procura por gestores ambientais em organizações diretamente relacionadas ao meio ambiente, como ONGs, agências reguladoras e órgãos federais.

3. Medicina Veterinária

Essa é a opção campeã de escolha para quem sonha em trabalhar com animais. A Medicina Veterinária é a ciência responsável por tratar doenças e pesquisar formas de prevenção de enfermidades que atingem animais domésticos e silvestres. Ao longo do curso, o estudante aprende todos os cuidados de saúde, alimentação e reprodução animal.

Os profissionais da área estão aptos a atuar tanto em clínicas de consultas, tratamentos e cirurgias, quanto em zoológicos, fazendas e centros de pesquisa. Outra importante área de atuação dos médicos veterinários é no setor público, na função de controle de vetores e na vigilância sanitária.

A Medicina Veterinária também se relaciona ao setor alimentício, visto que toda indústria que se utiliza de animais como matéria-prima é obrigada a contar com um médico veterinário em seu quadro de funcionários. Nesse caso, o profissional é responsável por questões de higiene e controle de saúde das espécies.

4. Zootecnia

A Zootecnia é uma área bastante ampla, com profissionais aptos a atuar em todas as etapas da cadeia produtiva animal, desde a criação, passando pela reprodução até a industrialização e comercialização de produtos alimentícios do gênero. Os segmentos de atuação de um zootecnista incluem setores de pesquisa, escolha de nutrientes para insumos alimentícios destinados aos animais e fabricação de rações.

Os conteúdos do curso estão relacionados ao melhoramento genético, fertilidade e desenvolvimento das espécies. No entanto, as disciplinas mais específicas são ministradas a partir da segunda metade da graduação. No princípio, a grade curricular é muito parecida com a grade das Ciências Biológicas.

5. Agronomia

Enquanto o profissional de Zootecnia trabalha na cadeia produtiva e na pesquisa em saúde e genética animal, o agrônomo concentra essas funções especificamente na agropecuária. O foco do seu trabalho é melhorar a qualidade e a produtividade de rebanhos, plantações e outros produtos da agroindústria.

É de responsabilidade desses profissionais o trato das criações, cuidando da alimentação, higiene e reprodução de todos os animais do rebanho. Eles também são responsáveis por planejar, coordenar e executar as tarefas de cada etapa de um agronegócio.

A importância da escolha correta da graduação

Quando escolhemos uma carreira, precisamos ter certeza de que combinamos com a profissão. Até porque aquele ofício representará boa parte do nosso dia a dia. Por isso, o ideal é reunir informações precisas sobre a área do seu interesse e, sempre que possível, conversar com profissionais do setor para entender melhor a rotina da atividade.

Assim, você não corre o risco de começar uma graduação sem saber ao certo o que faz o profissional daquele ramo. Outro fator importantíssimo é a reputação da instituição de ensino que você pretende estudar. Muito além da escolha do curso, é preciso ter certeza de que a instituição escolhida oferece um diploma reconhecido e valorizado no mercado.

Fique de olho nas avaliações do Ministério da Educação (MEC) para saber o histórico da faculdade. Considere também a infraestrutura do local, bem como a formação dos professores e a grade curricular, que precisa estar muito bem planejada. Com esses cuidados, não vai ser difícil encontrar o curso ideal para você realizar seu sonho de trabalhar com animais!

Aproveite que está no clima e entenda como são realizadas as avaliações do MEC!

Você também pode gostar