Você sabe como ser um profissional do futuro?

profissional do futuro
6 minutos para ler

O mercado está em constante evolução e, para conquistar as melhores oportunidades, é indispensável saber quais são as características exigidas de um profissional do futuro.

O currículo com bons cursos de graduação e também de pós ainda é um diferencial, afinal o conhecimento técnico é muito valorizado pelas empresas. Contudo, o que muitos candidatos desconhecem é a necessidade de desenvolver também habilidades relacionadas a seu comportamento, que vão se refletir diretamente nas relações interpessoais.

Se você quer se preparar para disputar as melhores vagas de emprego, precisa acompanhar este post. Continue a leitura e descubra como construir uma carreira de sucesso!

Tenha flexibilidade

Esqueça aquela forma de trabalhar do passado em que a pessoa iniciava a carreira em uma função e passava vários anos fazendo a mesma coisa. O profissional do futuro deve estar pronto para aceitar desafios, seja em assumir um cargo diferente na empresa em que trabalha, seja se aventurando em um nicho que é tendência do mercado.

Em resumo: é necessário ser flexível e se adaptar a diferentes situações. Por exemplo, muitas empresas atualmente adotam o home office, um novo jeito de trabalhar. Dessa maneira, você deve estar preparado para exercer sua profissão de qualquer lugar, com diferentes públicos e também com as novas tecnologias.

A flexibilidade também é essencial para aceitar diferentes pontos de vista e, desse modo, obter bons resultados no trabalho em equipe.

Seja criativo

Não tenha medo de ousar e de expor suas ideias, porque as empresas esperam que seus colaboradores possam apresentar soluções diferenciadas e inovar. Sabe aquela expressão “pensar fora da caixa”? Então, é justamente isso o que o profissional deve fazer: usar a criatividade para modificar processos, produtos ou serviços e, assim, fazer a empresa sair na frente da concorrência.

A criatividade também é uma característica essencial de quem sonha em empreender. Uma nova ideia no mercado, que atenda a uma necessidade urgente dos consumidores, por exemplo, pode significar um negócio de sucesso.

Domine a tecnologia

Estamos na era digital, por isso é inaceitável que um profissional não domine ou não se mostre aberto para aprender as tecnologias da sua área. Muita gente acredita que isso é apenas uma exigência para quem é do ramo de TI, mas quem continuar com esse pensamento vai ficar para trás.

O profissional do futuro acompanha o dinamismo do mercado e está de olho nas inovações do seu segmento. Dessa forma, ele deve buscar meios de aprender a lidar com esses recursos para se diferenciar no mercado de trabalho.

Diante disso, a dica é se manter atualizado, ficando por dentro das publicações, sites e blogs da sua área e nunca parar de estudar. É importante também que o profissional do futuro participe de eventos do seu setor e amplie o networking.

Demonstre proatividade

As empresas enfrentam uma alta competitividade, sendo assim, esperam que seu time possa antever os problemas e buscar soluções antes que eles causem algum tipo de prejuízo. Nesse sentido, quem busca o desenvolvimento profissional deve demonstrar proatividade.

Além de antecipar um possível cenário ruim para o negócio, a pessoa com essa habilidade também pode identificar oportunidades, contribuindo para que a empresa adote a estratégia certa para não perder mercado.

Guia de carreiras: Engenharias.Powered by Rock Convert
quiz-descobrir-o-seu-perfil-empreendedorPowered by Rock Convert

O profissional proativo é também aquele que veste a camisa da empresa e não tem medo de enfrentar os desafios e até mesmo os períodos de crise.

Exerça a liderança

Ser um bom líder é ter a capacidade de motivar equipes e de desempenhar um bom trabalho, extraindo o melhor de cada colaborador. O profissional do futuro que desenvolve essa competência é bem-visto pelos gestores e pode ocupar cargos mais altos e com melhores salários.

Para exercer a liderança, é necessário ter organização, saber planejar e ter uma visão sistêmica da organização, entendendo como as áreas se relacionam entre si.

O líder é aquele que sabe ouvir sua equipe e está sempre disposto a aprender, por isso, inclui cursos, como especializações e MBAs, e treinamentos em seu plano de carreira.

Saiba como se comunicar bem

Independentemente da sua área de atuação, você só vai se sair bem caso desenvolva a competência de se comunicar bem com os colegas, superiores e diferentes públicos.

É fundamental transmitir uma mensagem com clareza em uma conversa informal, ao apresentar sua ideia em uma reunião ou até mesmo para falar ao telefone ou redigir um e-mail. Uma boa comunicação envolve também saber a hora certa de ouvir o outro.

Para desenvolver essa habilidade exigida do profissional do futuro, uma dica é ler bastante para ampliar o vocabulário e aprender as regras gramaticais e de ortografia. Para quem tem medo de falar em público, cursos de oratória são uma boa saída.

Com a globalização e um contato maior entre empresas de diferentes países, se comunicar bem envolve dominar uma segunda língua, como o inglês ou espanhol.

Seja resiliente

Por fim, é importante utilizar a inteligência emocional no trabalho, ou seja, entender as próprias emoções e as dos outros para que o clima organizacional seja harmônico. Envolve também ser resiliente, uma capacidade de aguentar os problemas, tensões e pressão tão comuns no ambiente profissional sem se abater.

São pessoas otimistas, que sabem como lidar bem com as frustrações e com um feedback negativo de um superior, por exemplo. Entendem que os erros podem acontecer, servindo, inclusive, como um aprendizado para melhorar em outras situações.

O profissional deve ainda exercitar a empatia, que é a capacidade de se colocar no lugar do outro e de manter uma relação com respeito. É uma característica importante para trabalhar em grupo, principalmente com colegas de outras gerações que têm pontos de vista e personalidades muito diferentes de você.

As oportunidades estão aí e, para fazer sua carreira decolar, é essencial desenvolver as características que as empresas exigem do profissional do futuro. Portanto, mantenha-se sempre atualizado com cursos, como os de pós-graduação, que vão valorizar seu currículo e fazer você se destacar no mercado.

Você sabia que, entre as habilidades exigidas dos candidatos, é preciso destacar também a autonomia. Entenda como desenvolver essa competência em instituições que permitem ao aluno ser o protagonista de sua jornada acadêmica!

Você também pode gostar