Vale a pena buscar por uma orientação de carreira antes da faculdade?

orientação de carreira
6 minutos para ler

Ah, a expectativa de acabar o Ensino Médio e começar uma nova fase! Esse sentimento de otimismo em relação ao futuro é muito comum, mas pode ser abalado pelas ansiedades e incertezas típicas do ingresso no Ensino Superior. Uma das principais preocupações é sobre a escolha do curso de graduação.

Você deve levar em conta seus gostos pessoais? Ou são as tendências do mercado de trabalho que importam mais? Como ter certeza de que você não vai se arrepender do curso? Muitas dessas perguntas só podem ser respondidas ao longo da trajetória acadêmica! No entanto, a orientação de carreira é uma grande aliada na hora de encontrar as respostas.

Neste post, vamos falar justamente sobre esse recurso. Continue a leitura e saiba o que é a orientação de carreira, como ela se diferencia do teste vocacional e quais são os impactos positivos na sua jornada pela graduação!

Os desafios de escolher uma faculdade

Não há uma fórmula mágica sobre como escolher uma faculdade e se sentir completamente realizado academicamente e, também, no futuro profissional. Não é à toa que essa decisão traz bastante insegurança aos estudantes e pode ser um verdadeiro desafio.

Sem contar que o término do Ensino Médio já é um momento de grande pressão com a proximidade dos vestibulares e Enem. Ainda, para aqueles que já saíram da escola há alguns anos, a necessidade de conciliar os estudos com o trabalho também pode gerar tensão.

Algumas das principais dúvidas em relação à graduação são:

  • Afinal, qual curso combina comigo?
  • Posso trabalhar com o que eu gosto ou pensar na carreira que dá mais dinheiro?
  • É melhor fazer um curso tradicional ou arriscar nas profissões mais inovadoras?
  • Devo levar em conta o sonho dos meus pais ou seguir apenas minha vontade?

Quantas dúvidas! E não tinha como ser diferente: essa é uma decisão grande, que representa anos de estudo e uma definição profissional. Por mais que nada seja irreversível — afinal, você pode trocar de curso ou mudar de carreira no futuro —, a gente sempre quer acertar de primeira e poupar tempo, investimento e dedicação, não é mesmo?

Por esses motivos, é interessante pensar sobre suas possibilidades, levar em conta a opinião de amigos e familiares, pesquisar em portais de notícias de cursos etc. Agora, uma grande dica é buscar orientação de carreira para entender melhor o seu perfil e ter pistas sobre a direção certa.

Orientação de carreira vs. teste vocacional

Se você já fez dezenas de testes vocacionais, já sabe que um entendimento melhor sobre suas aptidões, gostos e habilidades é bastante útil para clarear um pouco o caminho. Porém, esses testes são mais voltados para os aspectos comportamentais do estudante. Afinal, como o próprio nome indica, eles mostram as vocações de cada um.

No entanto, vocação não necessariamente significa realização profissional, concorda? Mais que isso, também não representa satisfação acadêmica. Pense bem: você pode ter gostos muito bem alinhados com a Medicina, incluindo a vontade de ajudar pessoas, mas não ter nenhuma afinidade com matérias de Biológicas, nem estômago para lidar com situações práticas de atendimento.

quiz-descobrir-o-seu-perfil-empreendedorPowered by Rock Convert

É por isso que, para ter mais chances de acertar no curso de graduação e minimizar situações de desgaste emocional, é importante associar a vocação a um entendimento profissional. E é aí que entra a orientação de carreira.

Afinal, o que é a orientação de carreira?

A orientação de carreira é mais ampla do que os testes vocacionais, complementando o conhecimento sobre aptidões e inclinações com o conhecimento prático da profissão. Ou seja, o dia a dia de trabalho na área, as principais possibilidades de atuação, a realidade de salário e a empregabilidade.

É claro que levar em conta os gostos pessoais é extremamente importante, mas ter uma abordagem racional e realista sobre a carreira também. Isoladamente, a vocação não é suficiente para a futura realização acadêmica e profissional, assim como também não é limitadora.

Hoje em dia, já estamos mais cientes de que ninguém está condicionado a ter determinado futuro profissional por conta de um conjunto de características imutáveis. O poder de escolha existe — por exemplo, é possível trilhar múltiplos caminhos, desenvolver novas habilidades, adquirir diferentes conhecimentos etc.

Assim, é como se a orientação de carreira — normalmente realizada por psicólogos — unisse o teste vocacional a uma orientação profissional. Ela serve para aprimorar o autoconhecimento e, assim, identificar potencialidades, mas sem deixar de lado a objetividade na análise de riscos e oportunidades.

Os impactos da orientação de carreira no seu futuro

Agora que você entendeu melhor o que é a orientação de carreira e por que ela é mais completa do que um teste vocacional, conheça os impactos de fazer uma ainda antes de entrar na faculdade!

Você desenvolve o autoconhecimento

A orientação de carreira sempre parte de uma análise do perfil do estudante: características de personalidade, principais interesses e capacidades cognitivas. Desse modo, ela ajuda a desenvolver o autoconhecimento, o que é muito útil para explorar potencialidades, tanto durante a graduação quanto na gestão de carreira futuramente.

Você começa a construir uma trilha de aprendizagem

Entender um pouco mais sobre o mercado de trabalho e a realidade da profissão ajuda a visualizar oportunidades desde cedo. Assim, logo no início da graduação, o estudante pode criar uma trilha de aprendizagem, pensando em projetos a serem desenvolvidos durante o curso que serão certeiros na construção de um perfil profissional atrativo para sua área.

Você tem mais realização acadêmica e profissional

Por fim, a orientação reduz as chances de erros e arrependimentos. Como dissemos, sempre há a possibilidade de mudança de curso e/ou de carreira. No entanto, entrar na faculdade com mais conhecimento sobre o próprio perfil e embasamento a respeito da profissão ajuda a ter uma trajetória acadêmica e inserção profissional mais acuradas.

Conseguiu entender o que é a orientação de carreira e como ela beneficia suas decisões? Como você viu, esse é um importante recurso para entrar na faculdade com mais entendimento sobre o que você vai encontrar durante e após o curso de graduação e, assim, aumentar suas chances de realização.

Que tal começar agora mesmo?! Então, aproveite e conheça o Rota das Carreiras! Esse é o primeiro passo para descobrir a profissão que mais combina com o seu perfil e conhecer como é o seu cotidiano na prática!

Calouro a bordoPowered by Rock Convert
Você também pode gostar