Entenda o que é trainee e seus benefícios para os participantes

o que é trainee
8 minutos para ler

Se você pensa em planejar cada passo para construir sua carreira, saber o que é trainee será uma etapa importante. Ao conhecer as oportunidades desde já, é possível se preparar adequadamente e, assim, aumentar as chances de conquistar seus objetivos profissionais.

Entretanto, mesmo sendo uma tendência, ainda existem muitas dúvidas sobre o tema. No dia a dia, os programas desse tipo são frequentemente confundidos com estágios e contratações efetivas, quando, na verdade, integram uma terceira modalidade.

Neste artigo, explicamos o que é trainee e apontamos as diferenças para outras formas de admissão. Continue lendo para conhecer uma das principais oportunidades que você terá ao obter o diploma de graduação!

Entenda o que é trainee

Os programas dessa modalidade desenvolvem jovens talentos. Neles, a pessoa é contratada após obter o diploma de graduação ou nos últimos meses de curso, acessando uma estratégia para promover o crescimento profissional.

O objetivo pode ser qualificá-lo para ser líder, desenvolver projetos, ocupar um cargo de gerência, entre outras finalidades. Não há um modelo uniforme, mas apenas a característica de preparo dentro de um plano de desenvolvimento, via de regra, para ser executivo ou gerente.

O perfil ideal, nesse sentido, é o do recém-formado. Também é possível verificar uma preferência por indivíduos abaixo de 30 anos. É que, no fim das contas, o propósito é pegar a pessoa sem vícios profissionais e prepará-la dentro da cultura da empresa.

Benefícios do trainee

O trainee participa de diferentes projetos dentro de uma empresa, geralmente, os de grande relevância. Até porque é um profissional mais experiente e que pode ser cobrado como efetivo. Você encontrará, no entanto, benefícios para essa cobrança, como um salário mais robusto, em regra, no patamar de cinco mil reais.

O contratado também passa por diferentes áreas do negócio, não estando preso em razão do curso escolhido. Por exemplo, o administrador pode sair das finanças e ir para o comercial; engenheiros são frequentemente contratados por bancos e assim por diante.

A prática é fundamental para entender o negócio e desenvolver competências de comportamento, liderança e gestão. É, ainda, um caminho para fazer networking, construindo uma rede a partir do contato com colaboradores e parceiros da organização responsável pelo programa.

As diferenças entre trainee e estágio

Agora que você já sabe o que é trainee, é hora de entender o estágio. Essa segunda modalidade não é um emprego, mas uma ato educativo realizado no ambiente de trabalho.

Modalidade de contratação

A primeira diferença, portanto, é que o trainee se torna um funcionário da empresa, ainda que seu contrato tenha um prazo. Já o estagiário não é um empregado, mas alguém que participa de um ato educativo.

Jornada de trabalho e duração

O estágio tem algumas limitações. O trabalho pode ser prestado por, no máximo, 6 horas diárias e 30 horas semanais, em um contrato de até dois anos. E, na prática, o estagiário é visto como alguém em movimento, logo, frequentemente não há controle de ponto.

Já o prazo obrigatório faz muitas empresas contratarem apenas nos dois últimos anos de curso, quando imediatamente após o encerramento, é possível avaliar uma contratação efetiva para cargo de nível superior.

Modo de atuação

Outra diferença é que o trainee não fica preso a uma área específica, mas realiza tarefas conforme os projetos e desafios colocados ao longo do programa. Assim, a contratação é para “jobs”, atividades, trabalhos e tarefas que não necessariamente estão amarradas à formalidade de um cargo.

Por sua vez, o estagiário é encaminhado para uma área específica. Nela, haverá a indicação de um supervisor responsável por acompanhar as atividades e avaliar o profissional.

Perfil do profissional

O estágio é um programa para complementar as atividades do curso superior e, posteriormente, facilitar o ingresso no mercado de trabalho. Já o trainee é destinado às pessoas que conquistaram o diploma recentemente, sendo uma modalidade mais robusta.

Além de iniciar em um momento mais avançado, o programa fornece mais benefícios, principalmente em relação aos salários e oportunidades de crescimento. Há, ainda, um caminho claro para cumprir os objetivos propostos, seja ocupar um cargo, seja atingir certo nível de qualificação.

Programa trainee Estácio: como foi a experiência

Na Estácio, existe uma experiência bem-sucedida com o trainee e que pode esclarecer as suas dúvidas sobre como funciona um processo seletivo. Também é uma forma de se inspirar e ver que é possível competir em pé de igualdade.

YDUQS/Estácio

O programa foi iniciado em 2019 e, no primeiro ano, já contou com 12 mil inscrições online. O objetivo era ocupar 8 vagas com candidatos escolhidos nos cursos de maior sinergia com o meio empresarial: Administração, Ciências Contábeis, Economia, Pedagogia, Psicologia e Direito, entre outros.

Os participantes tinham, obrigatoriamente, até 30 anos de idade e diploma do período entre 2017 e 2019. Se estivesse apto na ocasião, você poderia se inscrever de qualquer lugar do Brasil, tendo igualdade de condições em cada uma das etapas do processo.

Processo seletivo

As primeiras etapas ocorreram online. Nela, os inscritos foram submetidos a testes de Português, questões de Lógica e dinâmicas, tudo pelo meio digital. Posteriormente, quem se destacou nessa triagem passou para as fases presenciais.

A dinâmica de grupo presencial conta com a participação dos gestores da Universidade e do Coordenador de Atração & Seleção da Estácio. Em 2019, foram realizadas inúmeras por todo o Brasil, e os aprovados seguem para etapa final.

O último passo é um painel. Nele, o candidato recebe um case e precisa propor uma solução para o problema. Em uma apresentação individual para os vice-presidentes e diretoria, falará um pouco sobre sua experiência profissional e sobre qual a estratégia sugerida.

Os vencedores serão os que entenderam melhor o problema, propuseram soluções adequadas, desenharam um plano de implementação, demonstraram capacidade de raciocínio e, por fim, souberam estruturar tudo de maneira coerente.

Benefícios

O trainee dura cerca de dois meses e conta com a participação dos selecionados no painel. No período de treinamento, independentemente de ter experiência profissional anterior, a bolsa recebida será uma das maiores do mercado, com direito a gympass, vale-alimentação, assistência médica e odontológica.

Quem for aprovado nesse período ficará cerca de 3 meses nas universidades, para conhecer a operação mais a fundo. Por fim, nos últimos 9 meses, ocorre a transferência para o escritório corporativo, momento em que o trainee conduzirá um projeto estratégico — combinado caso a caso.

Em todos as etapas, existem incentivos, como premiações pela superação de desafios e metas. Há, ainda, os ganhos indiretos, como desenvolver competências técnicas e comportamentais, conhecer o ambiente de negócios, imergir no segmento educacional e realizar networking com alguns dos maiores profissionais da área.

O trainee YDUQS/Estácio já conta com uma edição prevista para 2020. No site, você pode consultar todas as informações e conhecer as características do programa, principalmente requisitos e vantagens. Uma dica é focar no domínio do Excel e em técnicas de apresentação, que são competências muito utilizadas durante o programa.

A preparação durante o curso superior

A linha de largada é viabilizar o ingresso no ensino superior de qualidade, buscando maneiras de conciliar trabalho e estudo, mensalidades com custo-benefício adequado, meios de financiamento estudantil etc.

Outro ponto fundamental é avaliar o apoio oferecido ao aluno. O ideal é que a faculdade mantenha canais de comunicação com o mercado, como plataformas de vagas, setores voltados para empregabilidade, feiras de estágio, programa de intercâmbio e trainee.

Na Estácio, por exemplo, o aluno é preparado desde o primeiro dia para lidar com desafios, ter capacidade analítica e estar em dia com as discussões sobre política, economia, meio ambiente etc. E a liderança — um dos principais critérios para ingressar no programa de trainee e nas melhores posições do mercado — é um tema central em todos os cursos.

Existe, ainda, um setor dedicado à empregabilidade. A verdade é que, em muitos casos, não basta conhecer a matéria dada em sala de aula, o entendimento do mercado é fundamental para obter uma boa colocação. Logo, você precisa desse suporte para ser devidamente orientado sobre currículos, entrevistas de emprego, vagas, postura profissional etc.

Sendo assim, agora que você já sabe o que é trainee, prepare-se desde a faculdade para ter mais chances nos processos seletivos. Quem sabe essa não é a sua porta de entrada para uma carreira de sucesso, não é mesmo?

Se achou o conteúdo interessante, compartilhe o texto nas suas redes sociais. Afinal, muitas pessoas têm dúvidas sobre estágio e trainee!

Você também pode gostar