Conheça 6 áreas de atuação da Enfermagem que estão em alta

Áreas de atuação da enfermagem
6 minutos para ler

Já parou para pensar em qual campo do mercado você deseja atuar? As áreas de atuação da Enfermagem são bem diversas, assim como em várias profissões da saúde, o que oferece ainda mais possibilidades para construir uma carreira de sucesso dentro dos nichos que você gosta.

Fazer faculdade de Enfermagem é uma boa ideia para os alunos que têm interesse em se dedicar aos cuidados do bem-estar dos pacientes e ao acompanhamento dos quadros. Além disso, essa é uma carreira interessante para as pessoas com afinidade na área de Biológicas e com bastante inteligência emocional.

No entanto, onde trabalhar depois de terminar o curso? Neste post, confira 6 das principais áreas de atuação em Enfermagem e identifique a que mais combina com você!

1. Enfermagem Estética

A atuação de enfermeiros no ramo da Estética é permitida, desde que sejam seguidas as normas da Resolução de nº 626/2020, do Conselho Federal de Enfermagem (Cofen). Dentro desse campo, o profissional atua no atendimento clínico voltado para a realização de cuidados estéticos, como:

  • dermopigmentação ou micropigmentação;
  • ultrassom cavitacional;
  • vacuoterapia;
  • drenagem linfática;
  • eletrotermofototerapia;
  • carboxiterapia.

A média salarial de profissionais que atuam na área Estética recebem em torno de R$ 1.524,77. O retorno financeiro vai depender dos procedimentos realizados, localização e reconhecimento no mercado. Por esse motivo, vale a pena realizar uma pós-graduação em Dermatologia para conhecer as particularidades da pele e se tornar um profissional ainda mais completo para atuar nesse segmento.

2. Enfermagem Geral

A Enfermagem Geral é a área de atuação tradicional de um profissional com essa formação. Nesse caso, apenas a graduação é o suficiente para trabalhar em hospitais, ambulatórios, clínicas e demais instituições de saúde. Entretanto, a realização de uma especialização ajuda a conseguir melhores oportunidades, receber maiores salários e exercer funções em cargos mais atraentes.

Na Enfermagem Geral, é de responsabilidade do enfermeiro realizar o atendimento aos pacientes, com cuidados básicos, como medicação, observação, internação, emergência etc. Além disso, o profissional participa de outros procedimentos envolvidos na atenção à saúde, como a coleta de exames e aplicação de vacinas ou injeções, recebendo, em média, R$ 3.390,43 mensais.

Profissionais que apresentam boa experiência na área de Enfermagem Geral ou que fizeram uma pós-graduação têm mais chances de atuar na gestão de equipes de enfermeiros e técnicos em Enfermagem de hospitais e centros de saúde. Além disso, as oportunidades de seguir essa carreira aumentam ao apresentar competências e habilidades essenciais para o cargo, como liderança e responsabilidade.

3. Enfermagem Obstétrica

Estar presente em momentos emocionantes na vida de diversas pessoas, como o parto, traz muito impacto e realização na vida de um profissional. Esse é um dos motivos pelos quais a Enfermagem Obstétrica também se destaca.

O enfermeiro que atua nessa área cuida da saúde das gestantes e dos recém-nascidos. Além de participar da equipe médica e realizar a orientação dos cuidados iniciais pós-parto, o profissional pode fazer o acompanhamento pré-natal, ajudar nos partos, assim como dar assistência em casos de complicações na gravidez.

Quando não há intervenções cirúrgicas, o profissional da Enfermagem pode realizar o parto, principalmente nas modalidades naturais e humanizadas, desde que haja a autorização pelo Ministério da Saúde.

Com média salarial de R$ 4.724,00, essa é uma das áreas que mais chamam atenção dos alunos. Além disso, é importante realizar uma especialização em Enfermagem Obstétrica para aprofundar os conhecimentos em relação aos períodos gestacionais e procedimentos obstétricos.

4. Enfermagem Clínico-Cirúrgica

Para os alunos que ficaram em dúvida se faziam Enfermagem ou Medicina por terem interesse na área cirúrgica, essa é uma área de atuação que apresenta características em comum entre ambas as carreiras.

Na área da Enfermagem Clínico-Cirúrgica, o profissional trabalha oferecendo os cuidados necessários para que os pacientes recebam a internação e a preparação adequada para procedimentos cirúrgicos, podendo acompanhar a alimentação, medicação, exames preparatórios e anestesia.

Além disso, é de responsabilidade do enfermeiro clínico-cirúrgico oferecer ajuda para pacientes com necessidades clínicas de internação em unidades específicas. A média salarial de profissionais que atuam em centros cirúrgicos é de R$ 4.138,00

5. Enfermagem de Resgate

Conhecido também como enfermeiro socorrista, na área do Resgate, o profissional da Enfermagem se dedica a oferecer os primeiros socorros aos pacientes que sofreram acidentes e precisaram de ambulâncias para serem direcionados às instituições de saúde.

As funções desse profissional são imprescindíveis para a realização dos primeiros cuidados e para evitar atrasos no atendimento. Em muitos casos, isso é fundamental para que os pacientes cheguem aos hospitais e unidades de emergência com maiores chances de sucesso no tratamento.

Desse modo, se você tem interesse em atuar nessa linha de frente e ter uma rotina profissional agitada, essa é uma área interessante para se desenvolver. No entanto, o equilíbrio emocional e a agilidade são características indispensáveis para desempenhar as atividades.

Um enfermeiro especializado na área de Emergência tem média salarial de R$ 3.107,00. Para seguir essa carreira, é necessário realizar especialização e fazer o treinamento adequado, aprendendo as técnicas de socorro rápido.

6. Enfermagem Home Care

O Home Care tem se popularizado em diversas regiões ao longo dos últimos anos, principalmente durante a pandemia de Covid-19. Essa modalidade de atendimento permite cuidar de pacientes com mobilidade reduzida ou patologias que os impedem de fazer visitas às unidades de saúde frequentemente. Não é à toa que a área tem grandes chances de se tornar uma das profissões do futuro, devido ao aumento da expectativa de vida dos brasileiros.

As atividades de um enfermeiro que oferece atendimento em domicílio se relacionam com o acompanhamento das medicações, assistência em cuidados com a saúde, troca de curativos e demais procedimentos que podem ser realizados na casa do paciente. Atualmente, o salário médio de profissionais especializados em Enfermagem Home Care é de R$ 3.097,00.

Como visto, a formação é um dos principais aspectos envolvidos nas oportunidades de atuação em diversas áreas da saúde. Por esse motivo, investir em um curso de Enfermagem na Estácio é uma ótima ideia para se desenvolver profissionalmente e conquistar a vaga dos sonhos.

Depois de conhecer essas áreas de atuação da Enfermagem, conseguiu identificar uma carreira promissora para você? Avaliar as opções de campos para trabalhar é fundamental para planejar a vida profissional desde os primeiros passos e, assim, definir estratégias para chegar ao seu objetivo.

Quer saber como continuar investindo no desenvolvimento profissional? Então, inscreva-se agora mesmo no vestibular da Estácio e inicie a sua carreira na Enfermagem!

CARREIRAS DA SAÚDE
Você também pode gostar

Deixe um comentário